2011-10-28

Nem sei que lhes hei-de chamar

Há uma espécie de pessoas à qual não consigo atribuir um nome, mas vou descrevê-las e talvez vocês me possam ajudar a descobrir.

Costumo ouvir a Radio Renascença de manhã, onde há um programa chamado "Coelhinho diz-me tu". Consiste em pessoas que, em directo, submetem-se a um "exame" feito pela "professora", em que são feitas 3 perguntas sobre matéria escolar. Para cada pergunta há 2 respostas possíveis, portanto só há 50% de probabilidade de errar e geralmente a diferença entre as opções é um bocado óbvia, portanto a probabilidade de acertar até se torna maior que 50% (embora haja umas bem lixadas).

O programa é giro e farto-me de rir com algumas das possibilidades de resposta que dão às pessoas. Durante anos não houve prémio (havia um diploma simbólico apenas), portanto as pessoas sabiam que não ganhavam nada e que estavam apenas a participar num programa ao vivo pela piada e a comunicar com todos os ouvintes, concluindo que, não havia nenhuma motivação para participarem para alem da motivação da galhofa ao vivo e de "aparecer" na rádio, o que até é uma boa motivação.


Então agora dêem-me resposta para isto: Porque é que há pessoas (e não são poucas) que participam, mas que durante os 5m em que aquilo dura, não abrem a boca para dizer mais nada sem ser as respostas? Não fazem uma graça, dão respostas telegráficas às perguntas que os locutores fazem sobre a sua vida (eles fazem um pouco de conversa "quebra-gelo" antes das perguntas). Tantas e tantas vezes que vê-se que eles têm que forçar um bocado a pessoa a falar e mesmo assim não levam mais do que um "sim" ou "não". Há pessoas até que nem falar claramente sabem. EXPLIQUEM-ME !!!


PS: Não, eu não vou participar....lol

8 comentários:

Ted disse...

Chama-se a isso um "Bicho do Mato", na minha opinião! Alguém que quer participar, porque sim, mas não tem o dom da palavra, é naturalmente tímido ou inibido! ;)

Ana disse...

É mesmo o participar por participar, não vejo outra explicação. E isso não é só na rádio. Há quem não saiba dizer mais do que o estritamente essencial. São aquelas pessoas que me dão vontade de as abanar ou dar-lhes um calduço para ver se as palavras saem.

Carlota Pires Dacosta disse...

Se é só para dizer isso, porque participam??
O intuito do programa de rádio é divertir as pessoas,se lá aparecem uns "monos" que nem uma graçola sabem fazer, escondam-se!!!
Beijo

Jedi Master Atomic disse...

Ted -> Nem falo em ter o dom da palavra. Há pessoas que não sabem articular palavras sequer.

Ana -> É isso mesmo...lol

Carlota -> "Monos" é uma optima descrição :P

grassa disse...

Não sei que nome se dá, mas se não falam não são mulheres.

SuperSónica disse...

Pois...assim mais vale nem telefonar, certo???

Mushroom disse...

LOL Ri-me com o comentário do grassa... :p

Mas quem é que ouve a radio renascença?? :O loool

...Ju... disse...

também há quem lhe chame: morcões! :P