2009-11-26

Novo Blog

Não, não é o meu.
Gostava que visitassem o blog de um amigo e colega de trabalho, o Tiago.
Ele aborda alguns assuntos políticos interessantes.
Vá mostrem o vosso interesse sobre a politica :P


http://paissemdestino.blogspot.com/

2009-11-21

Ring Ring

Há uns dias atrás eram 0h20 quando tocam à minha campainha.
Fui ao intercomunicador:

Eu: Quem é?
Ela: É a vizinha do 1ºA. Olhe, vocês não acham que deviam fazer menos barulho durante a noite para não incomodar a pessoa que mora em baixo de vocês? É que com o vosso bater de portas não consigo dormir.

Eu: Minha senhora, eu não sou do 2ºA, sou do B, logo não tenho ninguém em baixo de mim.
Ela: Eeeerrrrr....eu sei que não tem ninguém em baixo, mas o vosso bater de portas incomoda bastante.

Eu: Minha senhora, aqui não se batem portas nem durante a noite nem durante o dia. À noite dorme-se !!!
Ela: Então deve ser engano. Peço desculpa.

2009-11-16

Se 1 jogo de cartas incomoda muita gente...

...2 miúdos aos gritos incomodam muito mais.

Se 2 miúdos aos gritos incomodam muita gente...
...1 segurança incomoda muito mais.

Se 1 segurança incomoda muita gente...
...2 seguranças incomodam muito mais.

Se 2 seguranças incomodam muita gente...
...Ir jantar para outro lado incomoda-OS muito mais.

Se ir jantar para outro lado incomoda muita gente...
...ter como companhia na mesa ao lado um grupo de prostitutas e prostitutos...eeeerrrr.....

...não incomoda nada e até dá tema de conversa !!!

2009-11-11

WARNING !!! Post filosófico

"Life's but a walking shadow, a poor player, that struts and frets his hour upon the stage, and then is heard no more; it is a tale told by an idiot, full of sound and fury, signifying nothing."


Esta frase do tio William é uma bela descrição do que é a nossa vida.

A nossa interacção com os outros é das coisas mais difíceis de executar. Quando nos debruçamos sobre o assunto das relações entre homem e mulher, então aí, a coisa começa a aquecer mais. Por um lado temos o homem que diz que as mulheres são muito complicadas e pouco lógicas. Por outro, temos as mulheres que dizem que os homens são todos iguais, insensíveis e que só querem sexo.

E agora, como resolver isto?

A resposta é bastante simples, por acaso. Não se resolve. A sério !!! Não é suposto resolver.
É assim que somos e não há mudança possível.
As mulheres vão ser sempre complicadas e pouco lógicas, porque nós precisamos delas dessa maneira. Já viram o que era um planeta onde toda a gente era lógica??? WOW !!! Great fun, hã !!!

Nós temos saídas insensíveis muitas vezes e pensamos muito em sexo e é assim que tem que ser. Senão como é que vocês tinham filhos. Nós temos que vos caçar !!! lol
Outra coisa. O homem, por natureza, quer comer o maior numero de mulheres possível. SIM é VERDADE !!! Não há nada de errado nisso. É suposto ser assim. Nós produzimos, ao longo da nossa vida, biliões de espermatozoides e diz a genética, que temos que os espalhar o mais possível para perpetuar a espécie.
Diz a genética, que as mulheres têm, ao longo da vida delas, apenas uns poucos milhares de óvulos na melhor das hipóteses, portanto elas têm que escolher criteriosamente a quem os vão "dar".

Estão a ver a diferença? Biliões - Milhares
Por cima disto, existe uma camada de regras da sociedade, que ainda é muito influenciada pela Igreja Católica, que nos confunde completamente. Os nossos instinto dizem uma coisa, a sociedade diz outra !!!
Não admira que a taxa de divorcio aumente brutalmente a cada ano que passa. A nossa sociedade está a passar por um período de transição muito grande, sendo normal que as regras tenham que mudar um bocado. Porque é que tudo evolui e a sociedade (e as suas regras) teriam que ficar paradas?

Temos que nos adaptar a esta nova sociedade o mais depressa possível senão corremos o risco de entrar numa anarquia emocional.

2009-11-09

Coimbrada

Mais uma Coimbrada !!! Mais umas noitadas !!! Mais uns dias mal dormidos !!! Mais umas caminhadas pela cidade !!! Mais uns dias com malta porreira !!! Obrigado malta ;)

2009-11-02

O que fazer? (2º desafio)

Para quem não se lembra, comecei esta serie de desafios há uns meses atrás e penso que está na hora para mais um. Eis o cenário que vos proponho, um pouco mais difícil do que o primeiro:

Existem 2 ilhas muito próximas uma da outra que estão completamente isoladas do resto do mundo. Os habitantes das ilhas conseguem viver com facilidade com o que é cultivado numa delas. Vamos chamar-lhes: habitantes da ilha 1 (H1) e habitantes da ilha 2 (H2).

Os H1 têm solo fértil e cultivam todo o tipo de alimentos e fabricam equipamento, que vendem aos H2.
Os H2 não cultivam nem fabricam nada, com excepção de uma planta que é usada para fabricar um medicamento sem o qual os H1 não conseguem viver. Mas essa planta não cresce na ilha dos H1 e tem que ser cultivada pelos H2. Sendo assim, os H1 e os H2 vivem numa espécie de simbiose, em que os H1 fazem o trabalho duro e os H2 aproveitam.

Imaginem agora que vocês são entidades extra-terrestre e que, como é óbvio, não querem que os H1 e os H2 saibam da vossa existência.
Vocês, observadores desta situação, através da vossa tecnologia avançada, descobrem que o medicamento produzido pelos H2, curou a doença dos H1 há muito tempo e que agora não passa de um narcótico, que os H2 aperfeiçoaram ao longo do tempo de forma a manterem o controlo sobre os H1.

Se vocês deitassem um componente químico para o solo dos H2, eles deixariam de conseguir cultivar essa planta, logo, deixavam de ter meios para a continuação da sua exploração dos H1. Por outro lado, se isso acontecer, os H1 durante alguns meses, irão sofrer a ressaca do desmame do narcótico.

Vocês, interferiam nesta situação? Sim ou não e porquê?