2007-09-24

A lição do fogo


Não, isto não vai ser um post a dizer "Quem brinca com o fogo acaba por se queimar" !!! Este é um daqueles profundos !!! AVISO: Este post pode provocar ataques de choro incontrolável e de muito ranho a cair pelos dedos abaixo....LOL
Aprendi a lição do fogo, ontem às 19h47. Aqui está para vosso delírio:


O João é um líder de uma equipa que pratica várias actividades. A certa altura apercebeu-se que o Paulo, um dos elementos mais produtivos da equipa, deixou de aparecer. Preocupado, o João foi a casa do Paulo para tentar perceber o que se passava. Ao abrir a porta de casa, Paulo percebeu imediatamente a razão da visita do João. Foram para a sala e sentaram-se ao pé da lareira, onde crepitava um fogo bem forte.

Durante 2m foi o silêncio total. Quando o Paulo estava quase a começar a falar, o João aproximou-se da lareira, agarrou no atiçador, escolheu a brasa que estava mais incandescente e calmamente afastou-a das outras. Paulo olhou atentamente, enquanto a brasa ía perdendo o seu brilho, a sua força, tornando-se escura e morta.

Passado uns minutos, João volta a colocar a brasa no meio das outras e foi vê-la em menos de nada a voltar ao seu estado anterior, incandescente, brilhante, cheia de força. João levanta-se para ir embora e Paulo apenas diz: "Obrigado pelo apoio".

Moral da história: Ninguém sobrevive neste mundo se se isolar, por mais forte que seja. A força de um grupo, de uma equipa depende de cada um dos seus elementos. A força de cada um dos elementos só se torna produtiva ao ser colocada em prol da equipa. Todos precisamos de alguém !!!

10 comentários:

Estrellinha disse...

É por isso que eu costumo dizer que os Portugueses não estão bem, nem conseguem fazer nada sozinhos!

Se calhar também são uma carrada de brasas incandescentes.

Aguardo aprovação do novo look do meu cantinho!

Já que não mete lá os pés há quinhentos anos...

leao_xxi disse...

Belo post!!!!!
Abraço

pensamentosametro disse...

Ainda estou a tentar fechar a boca, se ainda tinha dúvidas, poucas, fostes neste momento "adoptado", és mais um à minha medida.

Beijos

Tita

Jedi Master Atomic disse...

Estrelinha,

Ja tens a resposta no teu blog.
Por acaso os portugueses até são fixes em trabalho de equipa, desde que a equipa não seja muito grande.


Leao_XXI,

Thanks. Many more will come !!


Tita,

Mas que honra ser adoptado por ti !!! ;)
Agora tens é que definir o que é "a tua medida", please !!

pensamentosametro disse...

A minha medida é muito abrangente vai vendo e percebendo.

Bjos

Tita

Picas disse...

Diz que eu conheço um dos gatos de serviço. Diz que a ideia está giríssima. Diz que eu vos aconselho a irem lá espreitar. Diz que eu vos peço que façam publicidade a este blog nos vossos cantinhos. Diz que vocês vão fazer a vontade à Picas?

www.sevenblackcats.blogspot.com

Miss Alcor disse...

Que lindo!
Já há muito tempo que não lia um post tão lindo e tão mágico!

Obrigada por partilhares isto connosco!

PS-desculpa a ausência, eu costumava ser visita oficial de todos os dias, mas com o trabalho, à noite só quero é ir ler um bocadinho e dormir!
Não tenho net lá na empresa, o que é uma peninha! ;)
Mas uma coisa te garanto: posso não vir todos os dias, mas nunca me esqueço!

Nanny disse...

Ah pois é!
E não esquecer que há sempre brasas que ardem com mais intensidade e que são aquelas que trazem o brilho à lareira... das equipas ;)

Beijinhos

Jedi Master Atomic disse...

Miss Alcor,

Tudo o que é bom é para ser partilhado. ;)


Nanny,

Bem vinda de volta.
Todas as brasas são necessárias na fogueira, senão o fogo diminui. ;)

Walker Woman ツ disse...

é mesmo verdade ;)

Naquele dia achei que o outro post me enchia as medidas, que era mm o que precisa, nunca desvalorizando este ;)

Beijito Jedi ;)***

Boa Segundaaaa!